Como estudar trilha sonora no Brasil?

Cursos Técnicos

Como estudar trilha sonora no Brasil?

Falta ao Brasil desenvolver em uma carreira universitária a área de trilha sonora. Fora do Brasil a formação acadêmica se chama FILM SCORING, algo como música para filme.

Nessa publicação proponho observar a música com viés artístico e associado a imagem – cinema como parte disso, afinal há trilha sonora para dança, teatro, jogos e publicidade.

Quase que a totalidade da minha obra referente a trilha sonora são para balé, por exemplo. Então melhor que tratar de um curso de FILM SCORING, que tal tratar como formação em trilha sonora.

Para isso criei um curso de formação livre em trilha sonora, que leciono via transmissão ao vivo e que está com inscrições abertas. Conheça mais depois, clicando aqui!

E o que é trilha sonora?

Em outro artigo defini o que entendo como trilha sonora uma música que alimenta outra manifestação artística, sem obter protagonismo plena, mas consolidando a colisão de obras em contribuição fundamental.

Os alicerces de como estudar trilha sonora estão em três pontos fundamentais:

1| Saber diferenciar música pura e trilha sonora. E concedendo valor para ambas, importantes e específicas. Ativar o processo de escuta.

2| Ter repertório de trilha sonora assistindo filmes, peças teatrais, publicidade e espetáculos de dança. Conhecendo os temas, motivos principais. Ativar o processo de transcrição e análise.

3| Conhecer os compositores e as técnicas que formam a criação de trilhas sonoras, ante imagem e composição musical tradicional. Ativar o processo histórico.

E ampliando o conceito aos jogos, porque não? Hoje um mercado também importante, os jogos fazem parte dos objetivos de estudo do programa.

O Souza Lima para 2023 ou 2024 terá um curso técnico em trilha sonora que foi sintetizado nesse momento na FORMAÇÃO LIVRE EM TRILHA SONORA. Eu pessoalmente escrevi ambos programas. Algo importante para a atuação dos músicos brasileiros daqui para o futuro.

Pela pandemia, o programa regular atrasou, é verdade, a meta era 2021. E a instituição decidiu por lançar o programa de maneira sintetizada, em formato de curso livre, que permite o acesso plural ao programa, e de qualquer lugar do Brasil. Começando em fevereiro.

Gostou?

Vamos pensar ainda mais nisso!

#VemProSouzaLima

Precisamos procurar alternativas por aqui! Esse é o ponto fundamental! Vamos nessa?

Pós Graduação
Previous articleTodo mundo pode aprender a compor?
Next articleO que é mais importante para carreira de um músico?
Eu sou o Professor João Marcondes! Apaixonado por música e educação musical. Sou compositor e instrumentista com muita coisa publicada. Sou coordenador pedagógico dos programas Composição Popular - Letra e Musica, do Preparatório para Vestibular de Música (extensivo, semi-intensivo e intensivo), do Curso Técnico em Processos Fonográficos - Produção Musical, e da Pós-Graduação em Educação Musical da Faculdade e Conservatório Souza Lima - cursos que ocorrem na unidade Paraíso. Também coordeno programas livres como Arranjo para pequenos agrupamentos, Arranjo para agrupamentos médios, Composição Instrumental. E coordeno as unidades Moema e Alphaville desde 2010. Também atuo na instituição em tarefas administrativas, e sou diretor da editora Souza Lima. Sou autor do BLOG Souza Lima e do BLOG Souza Lima - Magazine Luiza! Meus livros e métodos estão publicados no KINDLE - Amazon em parceria com a Editora Souza Lima. E também de maneira impressa. Sou educador Musical, compositor, arranjador e instrumentista. Mestre em Educação Arte e História da Cultura, especializado em docência em música brasileira, graduado e técnico em música. Minhas composições e obras fonográficas estão disponíveis para audição no Spotify, Deezer e iTunes Music. Sou diretor e fundador da gravadora BAC Discos! Que lançou diversos artistas atuantes hoje na música brasileira. Conheça em www.bacdiscos.com/ Segue meu instagram; https://www.instagram.com/joaomarcondesoficial/