Quando surgiram as linhas suplementares da pauta?

Cursos Técnicos

Quando surgiram as linhas suplementares da pauta?

Quando precisamente é impossível precisar, tal qual quem foi o inventor. Mas o que se pode confirmar é o motivo.

As linhas suplementares surgiram de modo a ampliar a tessitura da pauta, e representando um maior desenvolvimento da música. Principalmente um desenvolvimento técnico.

Na ampliação da tessitura e registro dos instrumentos musicais a pauta precisou crescer, e não fazia sentido ampliar o número de linhas, já que a ampliação era provisória, e os saltos normalmente se respeitavam em cantábile.

No período medieval a música caminhava em graus conjuntos, em melodias puramente vocais, ao que se tem escrito em partitura. E no Renascimento e no Barroco os instrumentos e vozes se desenvolveram substancialmente.

Observando as partituras, no meio para o final do período Renascentista para o início do período Barroco se deu o acréscimo das linhas suplementares.

Que são linhas equidistantes, paralelas e provisórias dispostas sobre ou sob a pauta, linhas suplementares superiores ou inferiores, para grafar alturas provisoriamente ampliando a tessitura da pauta musical.

Tratamos de tudo que precisamos na dúvida do querido leitor, muito obrigado pela sugestão de pauta, e vamos em frente ampliando nossos conhecimentos musicais através de nosso BLOG.

Vamos em frente!

Pós Graduação
Previous articleToda escala forma campo harmônico?
Next articleLinhas suplementares e linhas complementares é a mesma coisa?
Eu sou o Professor João Marcondes! Apaixonado por música e educação musical. Sou compositor e instrumentista com muita coisa publicada. Sou coordenador pedagógico dos programas Composição Popular - Letra e Musica, do Preparatório para Vestibular de Música (extensivo, semi-intensivo e intensivo), do Curso Técnico em Processos Fonográficos - Produção Musical, e da Pós-Graduação em Educação Musical da Faculdade e Conservatório Souza Lima - cursos que ocorrem na unidade Paraíso. Também coordeno programas livres como Arranjo para pequenos agrupamentos, Arranjo para agrupamentos médios, Composição Instrumental. E coordeno as unidades Moema e Alphaville desde 2010. Também atuo na instituição em tarefas administrativas, e sou diretor da editora Souza Lima. Sou autor do BLOG Souza Lima e do BLOG Souza Lima - Magazine Luiza! Meus livros e métodos estão publicados no KINDLE - Amazon em parceria com a Editora Souza Lima. E também de maneira impressa. Sou educador Musical, compositor, arranjador e instrumentista. Mestre em Educação Arte e História da Cultura, especializado em docência em música brasileira, graduado e técnico em música. Minhas composições e obras fonográficas estão disponíveis para audição no Spotify, Deezer e iTunes Music. Sou diretor e fundador da gravadora BAC Discos! Que lançou diversos artistas atuantes hoje na música brasileira. Conheça em www.bacdiscos.com/ Segue meu instagram; https://www.instagram.com/joaomarcondesoficial/